conecte-se conosco


Entretenimento

Bradley Cooper e Irina fecham acordo de guarda compartilhada

Publicado

DA REVISTA MONET

Bradley Cooper e Irina Shayk podem ter se separado, mas eles se uniram para dar à filha Lea De Seine, de 2 anos, a vida mais estável possível. Os dois concordaram em morar na mesma cidade, Nova York, para poder dividir a custódia da menina, segundo o tablóide TMZ.

Fontes ligadas ao ex-casal disseram que os dois concordaram em dividir a custódia legal e física de Lea De Seine, de 2 anos, em quantidade de tempo igual – embora os horários de trabalho variem de mês para mês. Segundo o portal, eles não têm um acordo de custódia formal por escrito, mas estão em sincronia sobre o assunto e não sentem a necessidade de registrar o acordo.

Os dois decidiram também morar permanentemente em Nova York. Eles tinham uma casa em Los Angeles e também uma na Big Apple, a qual compraram em outubro passado.

Bradley e Irina começaram a namorar em 2015, mas se separaram no mês passado após inúmeros boatos de que o ator estaria tendo um caso com Lady Gaga tomarem conta da mídia.

Leia mais:  MC Bin Laden perde 45 kg e bomba na Europa

Comentários Facebook
publicidade

Entretenimento

Governo publica novos decretos da ficha limpa e do ‘revogaço’

Publicado

Luci Ribeiro - Estadão Conteúdo

O Diário Oficial da União (DOU) desta sexta-feira, 19, publica atos assinados na quinta-feira pelo presidente Jair Bolsonaro durante o evento que marcou os 200 dias do governo. A lista inclui decretos, uma medida provisória e um projeto de lei. São eles:

– Decreto 9.916/2019, que amplia as regras exigidas para cargos em comissão e funções de confiança da administração pública, incluindo autarquias e universidades federais, mas abre uma brecha ao possibilitar que um ministro possa manter em sua pasta alguém que não cumpra os requisitos necessários. Entre os critérios exigidos para que alguém trabalhe no governo está o de não ter ficha suja. As novas regras entram em vigor em 1º de agosto e, de acordo com o Ministério da Economia, abrangem 76,1 mil cargos e funções. Em março, o governo já havia editado um decreto semelhante que atingiu 24,3 mil cargos.

– Decreto 9.917/2019, que revoga 323 decretos, dentro do chamado “revogaço” que vem sendo promovido pelo governo para eliminar normas consideradas implicitamente revogadas ou que têm a eficácia ou validade prejudicada por tratarem de dispositivos que não estão mais em vigência.

Leia mais:  Gracyanne Barbosa surge de lingerie e empolga fãs

– Decreto 9.918/2019, que regulamenta a Lei do Selo Arte. A lei autoriza a venda interestadual de produtos alimentícios artesanais. Entre os produtos beneficiados pela lei estão queijos, mel, pescados e embutidos. Os itens poderão ser comercializados em todo o território nacional desde que atendam a exigências de boas práticas agropecuárias e de fabricação.

– Decreto 9.919/2019, que transfere o Conselho Superior do Cinema do Ministério da Cidadania para a Casa Civil da Presidência da República. O texto também altera a composição e o funcionamento do conselho.

– Decreto 9.920/2019, que institui o Conselho para a Preparação e o Acompanhamento do Processo de Acessão da República Federativa do Brasil à Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE).

– Decreto 9.921/2019, que consolida atos normativos editados pelo Poder Executivo federal que dispõem sobre a temática da pessoa idosa.

– Mensagem de envio ao Congresso Nacional do projeto de lei que “declara a revogação de leis e decretos-leis”. A medida faz parte do “revogaço”. O governo informou que a proposta pede revogação expressa de 583 leis e decretos-leis.

Leia mais:  Novela terá beijos de héteros em gay e transexual

– Medida Provisória 888/2019, que altera a Lei nº 13.328, de 29 de julho de 2016, para dispor sobre as requisições de pessoal para a Defensoria Pública da União.

Comentários Facebook
Continue lendo

Entretenimento

Luan Santana comemora o fim dos likes no Instagram

Publicado

DA CARAS

Na última semana, o Instagram Brasil implantou começou a testar o fim das curtidas e o assunto está gerando polêmica nas redes sociais.

A mudança vale tanto para imagens que aparecem na linha do tempo quanto para as fotos listadas no perfil de cada usuário e somente o próprio usuario consegue ver o número de curtidas.

Luan Santana, que recentemente lançou o novo registro audiovisual “Viva”, que reflete sobre a influência da tecnologia em nossas vidas, comemorou a atitude do insta.“Somos mais que números e aprovações… somos além! Temos motivo para celebrar hoje, parabéns amigos do Instagram! E digo mais… VIVA!”.

A proposta da empresa é que isso ajude a sua comunidade a se engajar mais com as fotos e vídeos do que com a aceitação social denotada pelo número de curtidas.

Além de Luan, Giulia Costa compartilhou um print de uma foto sua sem os números sendo mostrados e escreveu: “amei, amei, amei!!!!!”, além de usar um sticker afirmando que “saúde mental é importante”.

Andressa Ferreira Miranda, mulher de Thammy Miranda e que comanda um curso para pessoas que buscam melhores resultados de engajamento nas redes sociais, também deixou sua opinião. “Adeus a era do EGO, dos likes… por mais conteúdo de qualidade e de informação!

Leia mais:  Silvio Santos se recusa a dar programa para Patricia Abravanel

Comentários Facebook
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Cidades

Nortão

Policial

Mais Lidas da Semana